6 (péssimos) disfarces para a inveja

6 (péssimos) disfarces para a inveja

A inveja é aquele bichinho horroroso que vez por outra bate na porta do nosso coração.
É aquela vontade frustrada de possuir coisas ou qualidades de uma outra pessoa. É aquele sentimento de tristeza diante do que o outro tem. É aquele desejo de ter ou ser exatamente o que a outra pessoa tem ou o é.

A maioria de nós não costuma admitir, mas sabe que no fundo sofre com esse mal. Aqueles um pouco mais sinceros admitem ter inveja, mas tentam atenuar o fato denominando-a de ‘inveja branca’, ‘inveja boa’ ou ‘inveja santa’. Aqueles mais resistentes tentam de alguma forma disfarçar esse pecado e, com suas ações, acabam denunciando seu coração invejoso.

Aqui estão 6 péssimos disfarces que costumamos dar para a nossa inveja:

Disfarce do falso contentamento - “Eu nem queria mesmo...”
Você diz da boca pra fora que nem se importa com aquilo que o outro tem. Diz que nem precisa de tal coisa, mas no fundo seu coração está tomado pelo desejo de ter o mesmo. Pior ainda, seu coração está cheio de desgosto e infelicidade por não possuir o que o outro possui.

Disfarce da falsa modéstia – “Eu não me dou a esses luxos!”
Você se compara com a outra pessoa e se julga melhor por não ter tudo o que ela tem. Se considera por isso mais humilde, mais simples, mais descolada. Mas provavelmente no seu coração jaz um enorme desejo de desfrutar do mesmo.

Disfarce do falso desdém - “Nem é tão legal assim!”
Você menospreza o que é da outra pessoa destacando defeitos que não existem. Tudo porque é algo que você não tem, mas na realidade deseja. É como diz aquele venho ditado: quem desdenha quer comprar...

Disfarce do falso moralismo “Que exagero! Pra quê tudo isso?!”
Você julga a aquisição da pessoa como algo inapropriado pelo simples fato de você não poder possuir o mesmo. Provavelmente, nas condições da outra pessoa, você faria exatamente igual.

Disfarce da falsa empatia - “Ah, que legal...”
Você finge alegrar-se pela conquista do outro quando na verdade está triste por ele ter superado você de alguma forma ou por tal conquista não ser sua.

Disfarce da falsa piedade - “Mas oferta que é bom não dá!”
Você condena a outra pessoa por investir em si mesmo e não em coisas mais importantes. Julga que ela deveria investir em coisas mais espirituais. Se considera mais espiritual enquanto, na verdade, seu foco não é tão piedoso e você mesmo não investe nas coisas certas.

A inveja revela um coração insatisfeito com o que Deus tem lhe dado. Revela um coração ingrato e cobiçoso. Revela um coração que não é totalmente controlado pelo Espírito, mas que ainda age de acordo com a carne.

“Ora, as obras da carne são manifestas: imoralidade sexual, impureza e libertinagem; idolatria e feitiçaria; ódio, discórdia, ciúmes, ira, egoísmo, dissensões, facções e inveja.” Gálatas 5:19-21

A chave pra vencer a inveja é olhar para o lugar certo. Parar de olhar tanto para o outro e para o que Deus deu a ele e olhar mais para Deus e para o que Ele tem dado a você. Junto com isso, é necessário cultivar no coração duas virtudes indispensáveis: gratidão e contentamento.

Gratidão a Deus pela plena consciência de que Ele tem lhe dado muito mais do que o que você merece. Na verdade não merecemos nada e tudo o que recebemos já é bônus. E contentamento no Senhor, como fonte primeira de sua satisfação e alegria.

“dando graças constantemente a Deus Pai por todas as coisas, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo.” Efésios 5:20

“Não andem ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e súplicas, e com ação de graças, apresentem seus pedidos a Deus.” Filipenses 4:6

“E sejam agradecidos.” Colossenses 3:15

“Sei o que é passar necessidade e sei o que é ter fartura. Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação, seja bem alimentado, seja com fome, tendo muito, ou passando necessidade. Tudo posso naquele que me fortalece.” Filipenses 4:12-13

Pare de olhar tanto para o que o outro tem. Deixe o seu próximo ser feliz com aquilo que Deus tem lhe dado. Não gaste suas forças criticando ou julgando, isso é entre ele e Deus. No lugar disso, gaste seu tempo agradecendo a Deus e traga à mente estas duas verdades:

- "Deus já tem me dado mais do que eu mereço"
- "Deus já tem me dado tudo o que eu realmente preciso"

Um abraço de quem quer ser mais agradecida e satisfeita em Deus.
Renata Veras

You Might Also Like

12 comentários

  1. Respostas
    1. Que bom que foi útil, Claudia! É um prazer saber que Deus está sendo glorificado através dele. bjss

      Excluir
  2. Gosteeei muito do seu blog <3 Deus abençoe !!! Dicas maravilhosas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada por acompanhar o blog, Debora!
      Deus abençoe vc também! Bjs

      Excluir
    2. Muito boa Palavra, nunca tinha visto um estudo como esse... Falou muito ao meu coração, me trouxe a memória o que o Senhor fez na vida da minha família! Muito obrigada, Deus abençoe.

      Excluir
  3. Muito boa Palavra, nunca tinha visto um estudo como esse... Falou muito ao meu coração, me trouxe a memória o que o Senhor fez na vida da minha família! Muito obrigada, Deus abençoe.

    ResponderExcluir
  4. Texto maravilhoso e bastante edificante!
    #Inlovecomoblog
    Deus te abençoe Renata :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ô Darlyanne!! Fico feliz demais!
      Continua por aqui, hein!
      Bjsss

      Excluir
  5. Estou amando demais todos os textos!

    ResponderExcluir

Popular Posts