[Série Colossenses 3] Vestida a caráter – Mulheres do Alto. Reflexões em Colossenses 3:1-15



Vestida a caráter – Mulheres do Alto. Reflexões em Colossenses 3:1-15
Série Colossenses – Parte 3 (Para a parte 1 clique aqui) (Para a parte 2 clique aqui)

Nada mais vexatório para uma mulher do que descobrir que você foi para um evento social com os trajes inadequados. Imagine chegar numa festa de chinelos e bermuda e descobrir que se trata de uma festa de gala. Cada círculo social tem a forma de vestir e de se portar que lhe são próprias. O mesmo acontece com a nossa vida cristã (e eu não estou me referindo à saia abaixo do joelho e blusa de mangas compridas!).

Participamos de uma nova realidade. Não fazemos mais parte do reino das trevas, mas somos cidadãs reais. O caráter desse reino é o caráter do seu Rei. Nós, suas súditas, devemos apresentar esse mesmo caráter, devemos viver e nos portar de maneira digna da nova realidade de vida. Como cidadãs do Alto, devemos buscar e almejar as coisas do alto (v. 1), pensar nas coisas alto (v. 2), e nos portar de maneira digna da nossa nova realidade.

Devemos pensar nas coisas do alto porque morremos com Cristo (v. 3), vivemos em Cristo (v. 4), somos ressuscitados em Cristo (v.1), estamos ocultas em Cristo (v. 3), somos glorificadas em Cristo (v.4). Definitivamente não pertencemos mais ao império das trevas, mas sim ao Reino de Cristo. Por essa razão devemos manter nossa mente focada no alto e devemos tirar nossos trapos imundos, próprios da nossa vida antiga, completamente inadequados, jogá-los fora, e nos vestir a caráter, de maneira digna do Reino.

Vemos o contraste entre o que é próprio do império das trevas, da natureza carnal, mundana, da nossa velha natureza e o que é próprio do Reino de Cristo, da nova natureza, da nossa nova realidade.

As vestes antigas e inapropriadas são: prostituição, impureza, paixão, desejo mau, avareza, raiva, ódio, maldade, difamação, palavras indecentes do falar, mentira.

As novas vestes, a caráter, são: coração cheio de compaixão, bondade, humildade, mansidão, paciência, perdão, amor, paz e gratidão.

Despoje-se das vestes antigas!

As palavras são fortes. Quanto à velha mulher, nossa atitude deve ser radical: matar (v.3), eliminar (v.5), se livrar (v.8), despojar (v.9). O que era comum em nossa antiga realidade e que é completamente inapropriado para a nossa nova realidade em Cristo?

Prostituição – imoralidade sexual de forma geral.
Impureza – vida libertina, luxúria.
Paixão – pensamentos sexualmente impuros.
Desejo mau – anseios e desejos perversos.
Avareza – desejo de sempre querer mais, coisas ou prazeres.
Raiva, ódio – explosões emocionais, julgamentos precipitados.
Maldade – disposição maldosa para com os outros.
Difamação – blasfêmia, falar destrutivo, malicioso, fofocas.
Palavras indecentes do falar – fala obscena, palavras vulgares.
Mentira – qualquer distorção da verdade.

Em Gálatas 5 encontramos outra lista semelhante com as características que fazem parte da nossa velha natureza. São as conhecidas obras da carne.

As obras da carne são: adultério, fornicação, impureza, lascívia, idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus (Gálatas 5:19-21).

Devemos tirar nossos trapos imundos, jogá-los fora. Devemos olhar no espelho diariamente e identificar os trajes errados e, com a ajuda do alto, nos despir de cada um deles. É necessário fazer autoexame contínuo. Quais dessas características acima ainda fazem parte do nosso modo de viver? É preciso correr para Deus em atitude de humildade e contrição, buscando de forma dependente a ajuda do Alto para abandonar pecados que nos fazem mal e ofendem a santidade do nosso Deus.

Vista-se à caráter

Devemos pôr em prática a dinâmica do despojar/revestir. Despojar do que é próprio da carne e nos Revestir do que é próprio do Espírito. No lugar das atitudes pecaminosas, devemos encher nosso coração daquilo que é próprio do Alto. Quais as vestes dignas do Reino de Cristo?

Coração cheio de compaixão – ternos afetos, misericórdia.
Bondade – tratar o próximo com benignidade, assim como Cristo nos tratou e como gostaríamos que os outros nos tratassem.
Humildade – não pensar de si além do que convém, ter uma opinião equilibrada de si mesma. Pensar primeiro no outro, depois em si.
Mansidão – estar sob controle, não perder as estribeiras.
Paciência – longanimidade, pavio longo, autocontrole
Perdão – perdoar os que pecam contra você assim como Cristo lhe perdoou.
Amor – o amor é o elo que sustenta todas as outras virtudes. Tudo mais é decorrente dele.
Paz e gratidão (v. 12-14)

GRATIDÃO! Mais uma vez o tema gratidão aparece no livro (v. 15). Uma das marcas dessa nova mulher é ser agradecida por aquilo que o Senhor fez por ela.

A lista semelhante de Gálatas 5 refere-se ao fruto do Espírito.

O fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança (Gálatas 5:22)

A nova mulher se renova para o pleno conhecimento, segundo a imagem daquele que a criou (v. 10). Por mais que tenhamos sido transportadas do reino das trevas para o reino de Cristo, enfrentamos um processo contínuo de fazer morrer a nossa natureza pecaminosa, que só será completamente eliminada com a volta de Cristo – esse é o processo da santificação.

Só conseguiremos florescer como nova mulher estando profundamente enraizadas em Cristo. Por nossas próprias forças somos incapazes de abandonar as velhas práticas. Com a ajuda do Espírito Santo que habita em nós temos o que é necessário para viver piedosamente.

Devemos dia após dia, em esforço diligente e disciplinado, na dependência de Cristo e com a ajuda do Espírito Santo, fazer morrer tudo aquilo que não combina mais com a nossa nova realidade de mulheres do alto. Ao mesmo tempo, devemos, da mesma forma, nos revestir dos trajes reais, a fim de não nos envergonharmos diante do nosso Rei.

Todas nós temos muitas coisas para aperfeiçoar em nossas vidas. Olhar para a nossa condição e para tudo o que ainda tem para ser feito em nós pode levar ao desespero e ao desânimo. Mas devemos manter em mente que quem faz essa obra em nós é o próprio Deus e que aquele que começou a boa obra em nós há de completa-la sim!

Devemos manter nossa mente focada no alto. E no que devemos pensar? O que deve ocupar a nossa mente? Filipenses 4:8 nos informa a respeito disso:

Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai (Filipenses 4:8)

Quando paramos de olhar tanto para as circunstâncias ou para as nossas capacidades e passamos a olhar mais para o alto, nossa atitude com relação ao nosso modo de agir e reagir vai mudando. As nuvens ao nosso redor podem parecer turbulentas e as circunstâncias podem nos desanimar, mas quando mantemos o nosso olhar no alto, sempre conseguiremos enxergar os raios de sol que estão muito acima das nuvens pesadas e escuras.

Como mulheres do ALTO, devemos pensar nas coisas do alto e andar de acordo com a etiqueta do alto. Que Deus nos ajude viver de maneira digna e a estar vestida a caráter.

Abraço carinhoso,
Renata Veras.

Reflita sobre isso:

O que tem mais ocupado a sua mente? Num dia de 24 horas, quantas são dedicadas às coisas do alto?

Quais trapos da velha mulher ainda precisam ser despidos? Coloque-os diante de Deus em atitude de arrependimento, humildade e dependência para que Ele lhe ajude a eliminar de vez.

Quais vestes reais ainda precisam ser vestidas? Em que você mais precisa se exercitar? Coloque-as diante de Deus em atitude de arrependimento, humildade e dependência para que Ele lhe ajude a frutificar em toda boa obra.

E que tal alimentar a mente com a Palavra de Deus memorizando esses versículos maravilhosos de Colossenses que estão aqui em baixo?

You Might Also Like

5 comentários

  1. Irmã Renata, vi o texto e fiquei impressionada. Recentemente, durante um devocional, fiz um pequeno texto seguindo a mesma ideia usada no seu, estava refletindo em como deveria ser as vestes da moça cristã, daí tempos depois me deparo com seu texto!!!

    Que Deus continue a usá-la! Sou muito edificada com os conteúdos do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Layze! Sério? Que massa!
      Fico feliz demais por você acompanhar o blog.
      Obrigada pelo incentivo e continue por aqui.
      Beijão,
      Renata!

      Excluir
  2. Me edificou bastante,dou graças a Deus por sua vida e esse blog. Muito obrigada ! Beijos . Bruna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Graças a Deus! Glórias a Ele que nos usa!
      Fico feliz demais em ter você aqui no blog.
      Beijo grande,
      Renata

      Excluir
  3. Eu fico muito feliz por recebermos essa literatura que tanto nos faz tão bem! Eu agradeço a Deus por vocês que se dedicam a esse trabalho! Moro na Alemanha e divulgo por aqui! Coisa boa tem que ser divulgada! O que abençoa tem que ser divulgado para abençoar! ❤

    ResponderExcluir

Popular Posts